Eliminar armas químicas não é nada fácil

Depois da I Guerra Mundial o uso de armas químicas e biológicas foi proibido. No entanto, os países ocidentais continuaram a fabricá-las – para serem usadas no Oriente, África e Médio Oriente. Em 1993 foi assinada a convenção de armas químicas. Vários países, como a Síria, não a ratificaram. Outros, como os EUA, ainda estão a destruir os seus arsenais. Algo que demora tempo – e custa muitos milhões de dólares.

1 thought on “Eliminar armas químicas não é nada fácil

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s