O suposto mistério do ouro português no The Wall Street Journal

O ouro nazi recebido por Salazar durante a II Guerra Mundial como pagamento pelos carregamentos de volfrâmio – também conhecido por tungstênio – chegou às páginas do The Wall Street Journal, num artigo de opinião de Neill Lochery, autor do livro Lisbon: War in the Shadows of the City of Light”.

No texto, intitulado Portugal’s Golden Mistery, Lochery compara o ouro guardado nos cofres do Banco de Portugal à arte roubada pelos nazis – e como que defende um inquérito que poderia levar justiça às vítimas do regime de Adolf Hitler. Leia-se: a devolução desse ouro. O texto completo está aqui.

Ilustração: Ken Fallin

Ilustração: Ken Fallin

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s