Leitura para o fim-de-semana: uma muçulmana na Casa Branca de Trump

Rumana Ahmed é muçulmana. Os pais imigraram do Bangladesh para os Estados Unidos. Em 2011, acabada de sair da faculdade, esta filha de imigrantes, muçulmana, começou a trabalhar na Casa Branca em 2011. Mais tarde, passou para o Conselho de Segurança Nacional norte-americano. Era a única a usar um hijab. Por opção. Acompanhou, receosa, a campanha eleitoral. Quando a nova administração tomou posse decidiu ficar. Aguentou oito dias. Neste texto, escrito na primeira pessoa, publicado na The Atlantic, explica porquê.

lead_960

Leah Varjacques / The Atlantic

 

O The Washington Post tem um novo lema

E é tão simples quanto genial.

c5qfz79xaaamwhk

Filippo Cristofaro libertado em Portugal

É um dos mais famosos presos italianos, condenado a prisão perpétua por um homicido cometido em 1998. Depois de em 2014 não ter regressado à cadeia após uma saída precária, foi preso em Sintra em Maio de 2016. A Itália pediu a extradição. Aquele que é conhecido como o “assassino do catamarã” opôs-se, recorreu para o Supremo Tribunal de Justiça, depois para o Tribunal Constitucional, contestou a decisão e quando finalmente o processo voltou ao Tribunal da Relação de Lisboa para se processar a extradição, Cristofaro já tinha sido libertado do Estabelecimento Prisional de Monsanto. Motivo: ultrapassou o limite legal de 150 dias de detenção à ordem de um processo de extradição.

Toda a história no site da Sábado. 

1398683129-filippodecristofaroansa.jpg

 

Quando o jornalismo usa a tecnologia

O resultado é absolutamente incrível. Não há fronteiras. Vejam.

O Estado Islâmico realizou 90 atentados suicidas em Janeiro

A Agência Amaq, o órgão de comunicação oficial do autoproclamado Estado Islâmico, divulgou nos canais encriptados do Telegram uma nova infografia com o resumo dos atentados suicidas realizados no Iraque e na Síria em Janeiro de 2017. Ao todo foram 90 ataques, a maioria através de veículos carregados de explosivos dirigidos em grande parte às forças iraquianas e curdas que tentam reconquistar Mossul.

iraque-e-siria-janeiro

Reportar sobre… o nada

Coisas da Sábado

Amanhã nas bancas: a família desconhecida de Mário Soares; entrevista ao embaixador Jorge Torres Pereira; as lutas pelo poder dentro dos partidos; Júlio Pereira em concurso para o Supremo Tribunal de Justiça; autarca falido com milhões para ajustes directos; Benoît Hamon, o vencedor surpresa das primárias do PS francês; os portugueses que querem limpar a banca; crimes fiscais da operação furacão acabaram em acordo; os últimos dias de actividade de uma prostituta; Caldas da Rainha, a cidade que recebe refugiados desde 1901; entrevista a Neil Hannon; e muito mais.

capa_sabado_666