Com vandalismo: no meio dos protestos no Brasil

600x379xvand.png.pagespeed.ic.5M1OBUyxNr

Por Coletivo Nigéria

Em  Junho e Julho, o Coletivo Nigéria, parceiro da agência Pública – à qual O Informador se associou no ano passado -, acompanhou as manifestações de rua em Fortaleza, no Ceará, e registou depoimentos e cenas dos protestos. O resultado é um documentário jornalístico, em que o narrador pouco interfere nos factos, que mostra todos os tipos de manifestantes, o que move cada um, e de que modo a violência – policial e/ou da sociedade – participa dessas manifestações.

Um relato/reflexão realizado no calor do momento, em que a cronologia dos factos, a variedade de ângulos e de entrevistados, e a sobriedade dos jornalistas, contribuem para criar um panorama completo das manifestações em Fortaleza, revelador para os que buscam compreender quem é e o que deseja essa juventude que está nas ruas das capitais brasileiras.