O boom de drogas na China

O aumento brutal do consumo de dorgas sintéticas na China está a transformar a vizinha Birmânia num autêntico laboratório gigante de metanfetaminas que são depois transportadas clandestinamente para o destino. A Al Jazeera conseguiu entrar neste complexo sistema.

Fãs de Breaking Bad, atenção: este é o verdadeiro Walter White

Dez anos antes da estreia da série Breaking Bad, em 2008, Walter White era um dos mais bem sucedidos “cozinheiros” de metanfetaminas do Alabama. Durante anos ganhou milhares de dólares por dia. Tornou-se uma lenda. A revista Vice encontrou-o: ele conta o segredo do seu produto, como enriqueceu e o que aconteceu ao seu parceiro responsável pela distribuição. Quando Breaking Bad estreou, Walter tinha sido detido pela primeira vez. Aqueles que o conheciam acharam que estavam a reviver a sua história. Tanto mais que (para quem não sabe) o nome do personagem principal da série é… Walter White. 

Os preparativos para o campeonato do mundo continuam, sobretudo entre os traficantes de droga

Há medida que a data de início do campeonato do mundo de futebol no Brasil se aproxima, os traficantes do Rio de Janeiro estão a ficar cada vez mais ansiosos: para eles, se tudo correr bem, poderão duplicar o negócio com a chegada de 500 mil pessoas. Até lá tentam escapar aos raides policiais. Um repórter do Channel 4 News conseguiu acompanhar as patrulhas dos agentes e entrar em alguns esconderijos de traficantes – que dizem qual o ingrediente secreto usado no “corte” da droga.

A criminalidade americana e o exemplo português

Nos Estados Unidos, a maioria da população prisional foi condenada por crimes relacionados com droga – sobretudo posse. Enquanto os verdadeiros criminosos, os violentos, que são uma ameaça para a sociedade, continuam à solta. Neste vídeo, a organização Learn Liberty questiona porque os recursos usados em delitos menores não são desviados para outros mais importantes. O interessante é que Portugal é dado como um exemplo do que a discriminalização do consumo de estupefacientes pode fazer para diminuir a criminalidade associada às drogas, o consumo e as novas infecções de HIV.

A guerra contra os cartéis de droga mexicanos em 2m05s

A guerra entre as autoridades mexicanas e os cartéis de droga já provocaram milhares de mortos e mais de um milhão de deslocados. Destino de grande parte dos estupefacientes, os Estados Unidos desempenham um papel principal neste conflito. É uma realidade complexa, explicada de uma forma extremamente simples em 2m05s neste video infográfico.